Radiografias Intrabucais

frontal

Radiografia Periapical

Utiliza filme radiográfico nas dimensões 3 x 4cm ou 3,4 x 2,2cm o qual é posicionado dentro da cavidade bucal junto ao elemento dental a ser radiografado.

Esta técnica possibilita uma visão em conjunto dos elementos dentais da região de incidência e tecido ósseo adjacente.

Entre outras indicações encontramos:
*pesquisa de cárie, sua extensão e comprometimento pulpar;
*avaliação óssea do periapice dental;
*avaliação do nível da crista óssea alveolar e tipo de reabsorção;
*conhecimento da forma anatômica, número de raizes e condutos radiculares;
*avaliação das relações entre o germe dental e o elemento dental decíduo.

Radiografia Oclusal

Utiliza filme radiográfico nas dimensões 5,7 x 7,6cm .

Esta técnica está indicada para:
*avaliação em maior extensão da presença e posicionamento de dentes inclusos;
*avaliação em maior extensão de áreas patológicas;
*controle de expansão palatina.

oclusal01
oclusal02
interproximal

Radiografia Interproximal

Utiliza filme radiográfico nas dimensões 3 x 4 cm ou 3,4 x 2,2 cm com aleta de mordida. O filme é posicionado dentro da cavidade bucal e o paciente é orientado a ocluir sobre a aleta de mordida fazendo a contenção do filme.

Nesta técnica observa-se simultaneamente as coroas dentais dos dentes superiores e inferiores de uma região.

Está indicada principalmente para pesquisa de cárie nas superfícies proximais, adaptação de coroas e restaurações, identificação de excessos marginais.

Métodos de localização

São radiografias periapicais modificadas com o intuito de localizar corpos estranhos ou dentes supranumerários no sentido vestíbulo lingual. As mais aplicadas são as técnicas de Clark (modificada ou não) para a maxila e mandíbula e a técnica de Miller Winter e Donovan para terceiros molares.